Corpo e Mente
O sentimento fraterno

O sentimento fraterno

O ser humano traz arraigado em seu íntimo o conceito de vida em sociedade, cuja célula é a família.. Isto não é por acaso, como nada no Cosmos acontece "acidentalmente". A necessidade de formar grupos, tribos, comunidades e famílias leva o homem a ter de "conviver" com seus semelhantes e com eles aprender, pois estamos sempre aprendendo...
O conceito de irmandade não subsiste sem o conceito de igualdade. Irmãos são aqueles indivíduos que possuem um mesmo pai, uma mesma origem, e portanto são iguais. Olhando este conceito sob o prisma filosófico ou teosófico, os seres humanos são todos irmãos entre si, por serem filhos de um mesmo Pai, cósmico, transcendental. Portanto, somos todos iguais.
Se observarmos o mundo em que vivemos pelo prisma estritamente material, teremos de nos curvar à triste realidade: não somos iguais e, portanto, não somos irmãos perante nosso Criador... Buscando, no entanto, dentro de nós mesmos a compreensão, procurando entender os desígnios de nosso Pai, verificamos que não é bem por aí. Afinal, "estamos" participando de uma vida na Terra com uma finalidade muito bem definida: a busca da evolução espiritual. Nesta busca, com muita freqüência escorregamos e caímos.. Muitas vezes "repetimos o ano". Aqueles que não enxergam o que a vida lhes proporciona, as oportunidades que lhes são colocadas para que aprendam e cresçam, continuarão a "repetir o ano" por muito tempo.
As desigualdades que observamos, e que muitas vezes nos fazem sentir revolta ou desânimo, estão aí justamente para que possamos nos trabalhar. Aqueles que aparentemente são os privilegiados na vida, certamente estão desempenhando seu papel, sabe-se lá a que custo, papel este que, talvez, já tenhamos desempenhado, quiçá de forma desastrosa. Devemos olhá-los como nossos irmãos, cujos comportamentos servem como referências para nossa conduta. Se eles nos parecem mais bem aquinhoados, nós também por certo o somos para outros, aparentemente menos felizes do que nós.#P#
Todos nós fazemos parte de uma grande orquestra. De uma orquestra incumbida de tocar uma maravilhosa sinfonia, cujo Maestro sabe perfeitamente, "de cór e salteado", a execução da partitura. Para esta sinfonia ser executada com perfeição, devemos todos contribuir de modo homogêneo e participativo. Nenhum de nós deve se considerar um "virtuose" e tentar se destacar. Devemos, sim, seguir o que nosso Maestro nos indica, procurando dar o melhor de nós. As falhas de qualquer de nós devem ser imediatamente socorridas pelos demais, fazendo com que aquele que erra se recupere e possa seguir a partitura. Devemos olhá-lo com amor e não com crítica. Desta forma estaremos contribuindo para que todos completem a sinfonia e possam ser merecedores dos aplausos ao final. Isto é a verdadeira irmandade.
A humanidade da superfície terrestre levou milhares de anos para se aprimorar, tanto material quanto moral e espiritualmente. Que enorme perda de tempo! Sob o aspecto material, o homem teve alguns progressos, porém à custa de enormes sacrifícios.
A indústria bélica aprimorando armas cada vez mais sofisticadas com o objetivo descarado de matar irmãos. O homem fabrica armas para se defender de seus próprios irmãos!!! Ao buscar armas mais potentes descobre a energia nuclear e destroi o meio ambiente, polui o planeta e planta verdadeiras bombas-relógio em toda parte...ameaçando seus semelhantes, seus irmãos...
Ao aprimorar os defensivos agrícolas, visando melhores safras, com o belo, porém falso, objetivo de minimizar a fome no mundo (na verdade visando maiores lucros), o homem conseguiu envenenar a Natureza da qual faz parte e da qual necessita para sua própria sobrevivência.
Se analisarmos todas as áreas em que o homem se intrometeu, veremos sua obra nefasta pois em nenhuma delas ele buscou o bem comum, o bem fraterno universal, mas sim seu bem estar egoísta, ignorando suas origens e seu verdadeiro papel como ser divino. Esqueceu-se de usar o amor em seus atos de "bondade", esqueceu-se de olhar em volta e ver quantos de seus irmãos seriam prejudicados por sua mente doentia e egoísta.#P#
No que se refere à moral e à espiritualidade, basta olharmos em volta: o homem não parece ter entendido a diferença entre ele e o reino animal. Continua teimando em se igualar a um reino menos evoluído (porém correto em seu papel evolutivo), forçando através de seu livre-arbítrio, seu próprio reino, o reino humano, a regredir.
Ao final do milênio, no limiar da Nova Era, entendo que não será possível a sobrevivência humana neste planeta sem uma grande revolução: é preciso plantar nos corações de todos os seres ditos humanos a semente da FRATERNIDADE e regá-la com muito amor. Plantar sem o uso de agrotóxicos, sem nenhum outro pensamento senão a retomada de nossa caminhada no processo evolutivo, aí sim, com o passo certo e o rumo corrigido.
Quando olhamos em volta de nós e nos deparamos com tantos seres - humanos como nós - devemos parar e refletir: o que estará se passando com cada um deles? estarão precisando de nosso apoio, de uma palavra de conforto, de um incentivo, de uma crítica construtiva, de um pouco de amor? Porque teimamos em parecer individualistas se, no íntimo, sabemos que a solidão nos leva à loucura? Porque teimamos em tentar ignorar nossos semelhantes, nossos irmãos cósmicos, se necessitamos deles tanto quanto eles necessitam de nós? Porque não entendemos, de uma vez por todas, que sem o AMOR FRATERNO a humanidade está condenada a seu auto-extermínio ? Porque não damos ouvidos, DE VERDADE, sem demagogias baratas, ao grande ensinamento que Ele nos deixou, ao nos visitar há dois mil anos atrás? Será que este tempo não foi suficiente para o homem assimilar o verdadeiro significado do AMOR? Até onde o homem vai deixar que seu livre-arbítrio doentio o manipule e o mantenha cego e surdo àquilo que deve ver e ouvir?
Saia à rua e olhe para o lado...aí está, por mais incrível que possa parecer, seu IRMÃO. Ame-o ! É tão difícil assim?

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380

Autoria

Texto de: Ronaldo Tikhomiroff

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo