Corpo e Mente
Entender, sentir, participar, sempre com esperanças e sabedoria

Entender, sentir, participar, sempre com esperanças e sabedoria

A alienação de uma grande maioria de pessoas me impressiona, incomoda, entristece... Ao lado dela, quase sempre também existe, uma estranha alegria, uma euforia superficial, conversas “vazias”, vazias de significado e conteúdo realista, que permitam enxergar também, o mundo ao redor. Enxergar, neste caso, significa tentar entender, aprender, concluir e principalmente... sentir. Sentir, sensibilizar-se com os problemas do mundo, e do nosso próprio país é simplesmente fundamental. É o requisito essencial para uma autentica espiritualidade prática-dinâmica.

E então... quando ligo a TV, num telejornal qualquer, ouço e vejo: “Todos estes milhões de refugiados, com suas famílias, com suas crianças, fugindo das guerras, enfrentam agora o rigor do inverno, a falta de moradia, a alimentação cada vez mais escassa. Estas crianças, milhares e milhões, pertencem a uma geração perdida. O que o futuro reserva para elas?”

Resolvo não assistir mais, e penso, angustiada: “preciso rezar, preciso visualizar e pedir (decretar) para os Mestres e para os Anjos que, em nome de Deus Pai-Criador, socorram estes refugiados, especialmente as crianças”.

Que futuro estes nossos irmãozinhos podem esperar? Enquanto perambulam com os pais pelos desertos, pelas cidades, pelas vilas e lugarejos deste planeta? Que escolas vão frequentar? Quais são os seus brinquedos? O que eles comem? O que eles comeram hoje no café da manhã?

Não temos estas respostas. Talvez neste exato momento, enquanto nos questionamos sobre tudo isto, estamos “devorando” um delicioso sanduíche, e um suco nutritivo que acabamos de fazer. Talvez a nossa fome diminua um pouco... Ou talvez aumente. Afinal, você pode pensar, “eu não posso fazer nada!”

Mas não é bem assim! Você pode e deve fazer algo. Rezar, pedir, decretar para os Mestres, para os seus Mentores, visualizando sempre um mundo melhor, aonde imperem sem restrições, o amor, a bondade e a compaixão. São recursos eficientes, e devem ser usados todos dos dias, se possível.

Acompanhe com interesse e sensibilidade o que está acontecendo. É sempre possível ajudar as ONG’s, Médicos sem Fronteiras (msf.org.br), ou mesmo crianças e famílias pobres que moram perto de você. São atitudes urgentes, práticas e fundamentais!

Pense um pouco agora, sobre as nossas crianças, aqui neste imenso País, nos estados e regiões mais pobres. Famílias e mais famílias que vivem nas favelas ou nas ruas, nas estradas, nos viadutos, em ambientes escuros e sujos, onde suas crianças tentam sobreviver, brincar, ter algum sonho ou ilusão. Quem sabe? No entanto, coloque agora, no seu coração a energia curativa e transformadora da esperança.

Tudo isto vai mudar! Precisa mudar! E nós, os espiritualistas, os “despertos” sensíveis e participantes, somos os construtores desta Grande Transformação.

Esperanças infinitas, práticas e atuantes não podem faltar. Ao lado dela, a confiança e a fé que nos ajudam a desenvolver a sabedoria que compreende, não julga, não critica, mas ajuda com alegria e gratidão.

Vamos encontrar assim, no nosso próprio mundo interior, o melhores caminhos, as melhores maneiras para ajudar: amigos e familiares se necessário, crianças mais próximas, ou aquelas que vagam famintas no Oriente, no Ocidente e no Brasil. Todos estes irmãos precisam de nós! Assim, como em cada um de nós, na alma e no coração destas crianças existe o potencial divino. A missão maior daquela alma, o sofrimento e a dor daquele coração. Comece então hoje mesmo, a sua missão, neste grande trabalho de AMOR.



© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380

Autoria

Texto colaboração de Juliana Bueno - jornalista e escritora. Seu mais recente livro: “Passageiros da Nave Terra” - pode ser encontrado nas livrarias de sua cidade, ou acessando o site de sua editora: www.besourobox.com.br - Abril 2015

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo