Corpo e Mente
Dietas restritas podem provocar uma compulsão alimentar

Dietas restritas podem provocar uma compulsão alimentar


A insatisfação com o corpo faz com que muitas pessoas acabem adotando medidas radicais para conseguir emagrecer, inclusive mudar a alimentação. “Algumas pessoas começam eliminar alguns alimentos do seu cardápio por contra própria por acreditar que esses nutrientes são os culpados pelo aumento do peso. O problema é que a maioria desses alimentos que elas deixam de comer são indispensáveis para manter a saúde”, explica o nutrólogo André Veinert, da Clínica Healthme Gerenciamento de Perda de Peso.

Na maioria dos casos, a pessoa elimina determinado alimento para perder alguns quilos e depois que atingir o seu objetivo ela volta a ingerir esse alimento de uma forma descontrolada podendo causar uma compulsão alimentar. “Comer em excesso é um distúrbio que atinge de 2% a 4% da população mundial, segundo a Associação Americana de Psiquiatria. Os compulsivos levam um tempo para sentir-se satisfeito e acabam comendo demais sem intervalos entre as refeições”, descreve o nutrólogo.
Os compulsivos não ingerem apenas alimentos gordurosos, mas sim qualquer alimento em grande quantidade.

O nutrólogo comenta que quando a pessoa adota uma dieta restritiva o organismo leva um tempo para entender que você reduziu a quantidade de comida. “Depois de um tempo o organismo sente falta desses alimentos que são indispensáveis para manter a energia. O desejo por comer carboidratos refinados como massas, pães, doces, alimentos crocantes começa surgir e depois que você comer um pedaço surge à compulsão pelo alimento e a pessoa passa a consumir esses alimentos em grandes quantidades”, diz.

Além disso, essas dietas restritivas também causam ansiedade e estresse, o que pode favorecer para o indivíduo desenvolver uma compulsão alimentar.  “No início, a pessoa pode sentir um alívio, sensação de prazer e depois sentir culpa por ter comido demais”, revela o especialista.

Vida saudável

Confira algumas dicas do nutrólogo André Veinert para evitar a compulsão alimentar e conseguir manter o peso:

-Evite ficar por longos períodos em jejum;

- Consuma alimentos como banana, oleaginosas, leite que são ricos em triptofano, aveia, arroz integral, vegetais, ovos;

- Não pule os horários das refeições;

- Pratique atividades físicas regularmente.

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380

Autoria

Texto de Sacha Silveira – Fonte: André Veinert, Nutrólogo da Clínica Healthme - Titulado pela Assoc. Bras. de Nutrologia (ABRAN) e pela Soc. Bras. de Nutrição Parenteral e Enteral (SBNPE) - Site – www.healthme.com.br – Agosto 2015

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo