Corpo e Mente
Autoestima, amor e altruísmo num filme muito especial

Autoestima, amor e altruísmo num filme muito especial



“As pessoas não morrem quando seus corações param de bater, elas morrem quando por algum motivo deixam de acreditar que são importantes”. Esta é mais uma das bonitas e iluminadas frases que ouvi no filme “O Vendedor de Sonhos”, estrelado magistralmente por Dan Stulbalh e pelo ator uruguaio Cesar Trancoso. Admito que é uma frase um pouco pesada, especialmente se conseguirmos entender a profundidade do seu significado. Antes de mais nada, quero recomendar, que assistam a este filme brasileiro, dirigido por Jayme Monjardim. O filme não é exatamente místico, baseado no livro (best-seller) de Augusto Cury, mas reflete principalmente toda esta crise de valores em que vivemos, às vezes completamente alienados, robotizados, na correria da vida moderna.

“O Vendedor de Sonhos” tem frases e momentos maravilhosos, repletos de significados. Esta que coloquei acima acontece quando um dos atores a diz para uma senhora muito idosa completamente envolvida e mergulhada na sua solidão, sentindo-se com certeza completamente abandonada, “deixando de acreditar na sua própria importância”.

Na idade mais avançada, a famosa “terceira idade” isto pode realmente acontecer. Afinal no que estamos apoiando a nossa autêntica autoestima? Num corpo bonito (sarado), rosto jovem e bonito, cabelos lindos, charme e elegância para todos os lados? Ou a apoiamos numa boa renda financeira, o sucesso profissional? Ou mesmo numa mesada incrivelmente alta que recebemos todos os meses de um marido muito especial? Quem sabe uma herança que nos deixa felizes a todo momento e sem maiores preocupações financeiras tampouco existenciais...

Acredito, sinceramente que se você apoia sua felicidade, sua autoestima neste mundo de aparência e ilusões, a idade mais avançada poderá lhe trazer um grande vazio, uma solidão sem remédio. Você não encontrará mais nenhum prazer na sua própria companhia... E isto certamente vai doer muito na alma e no coração.

Assista este filme se possível. Ou procure ler o livro deste famoso escritor. Prepare-se então para enfrentar aspectos profundos e geralmente muito pouco analisados, da sua personalidade, da sua maneira de enfrentar problemas e conflitos pessoais.

Se você não quer, não tem condições no momento para este tipo de enfrentamento é melhor não ir. A verdade interior um dia, se tornará forte e dominante. Afinal, você se sente neste momento uma pessoa importante no mundo? Importante para sua família? O que você vem fazendo para esta família durante todo este tempo? E ainda: você se sente importante para si mesmo? Esta é a grande pergunta.

Aos poucos vamos descobrindo realmente quem somos nós. E o quanto dependemos dos outros, familiares ou não, para sermos felizes. Este também é um sonho, que as vezes esquecemos de realizar. Esquecemos completamente o quanto ele é essencial. É importante viver este sonho, torná-lo real. Antes que o tempo possa transformar tudo em lembranças, amargas e doloridas. Uma autêntica autoestima, conquistada passo a passo, não permite que isto possa acontecer.





Participe do grupo do Jornal O Legado no Facebook - clique aqui  

Você já leu a edição deste mês do Jornal O Legado? Clique aqui para ler

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380

Autoria

Texto colaboração de Juliana Bueno - jornalista e escritora, especialista em temas comportamentais/espiritualistas. Seus mais recentes livros são “Passageiros da Nave Terra” e “E Dores Ocultas” (edições Besouro Box) - Fevereiro 2017

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo