Corpo e Mente
Hatha Yóga: Os Pranayamas e a respiração

Hatha Yóga: Os Pranayamas e a respiração

Hatha Yóga XXXI




No capítulo anterior a este, mostramos como age no organismo das pessoas a ansiedade e o stress. Causando uma série de graves problemas tanto no dia a dia, quanto na própria vida como um todo, nos ambientes familiares, sociais e profissionais. E todo o malefício que isto significa para a saúde, o bem-estar e a qualidade de vida das mesmas. Por outro lado, mostramos como a estrutura de práticas e técnicas do Hatha Yóga, quando bem aplicadas nestas duas doenças, a ansiedade e o stress, pode eliminar ambas por completo e resgatar o equilíbrio interior, a saúde e a plenitude da vida. No penúltimo capítulo, já havíamos abordado as técnicas respiratórias, conhecidas como Pranayamas enfatizando parte dos seus benefícios e parte das suas técnicas. Neste novo capítulo, vamos aprofundar um pouco mais a questão, mostrando outros aspectos deste tema e dando mais esclarecimentos sobre ele.

Possíveis aplicações dos Pranayamas do Hatha Yóga

Reafirmamos que, os exercícios respiratórios do Hatha Yóga, são bastante simples e fáceis de serem realizados. E podem ser aplicados nos mais diferentes casos ou necessidades, relacionados à saúde, ao bem-estar psicofísico e ao equilíbrio eletro somatológico emocional, nervoso e psicológico, o que é mais importante sem contra indicações, desde que executados com orientação correta, com bom senso e moderação.

Finalidades e utilidades

Entre suas inúmeras utilidades e finalidades, podemos destacar as seguintes; eliminar dores de cabeça e enxaquecas, reduzir e eliminar dores advindas de cólicas menstruais. Evitar ou combater diretamente o stress, a ansiedade, insônia, tensões dos mais diferentes tipos e origens, tratar e até eliminar problemas relacionados a alergia pulmonar, asma, bronquite, úlceras, gastrites, colites e frigidez entre outros.

Quando e como

Vamos aqui apresentar dois exercícios especiais, os quais não tem contraindicações e podem ser utilizados para combater e ajudar a eliminar, todos os casos acima relacionados. Sugerimos que sejam realizados em ambiente tranquilo e arejado, uma ou duas vezes por dia, pela manhã ou à noite. O tempo de duração inicial, será entre três a cinco minutos em cada ocasião e, poderão ser repetidos até três vezes. No momento das práticas, utilizar roupas cômodas e folgadas. Nada apertado, para que a circulação eletro sanguínea, linfática, plasmática, sinovial e dos liquores, se faça de maneira ampla e completa, irrigando, lubrificando e rejuvenescendo os neuro músculos, nervos, tendões, articulações, cartilagens, órgãos, vísceras, glândulas e gânglios, além do cérebro como um todo em seus dois hemisférios com todos os seus complexos componentes. E estes processos, melhoram profundamente a saúde e trazem equilíbrio interior.

A preparação para os exercícios

A preparação deverá ser feita com sete inspirações e expirações lentas, profundas e suaves por ambas as narinas. Durante este período ir relaxando completamente. Os dois exercícios, poderão ser realizados na posição sentada ou deitada e, com os braços e as pernas soltos ao longo do corpo ou, de outra maneira confortável para quem for praticar. Mantenha seus olhos fechados durante toda a sua prática.

Os Pranayamas ou exercícios propriamente ditos - como fazê-los

1º) Neste exercício, você irá proceder da seguinte forma; após as sete respirações preparatórias, novamente, inspire por ambas as narinas, de forma calma, suave e harmoniosa. Porém, ao expirar, bloqueará a saída do ar da narina direita, com o dedo indicador da mão esquerda. Em seguida, irá inspirar por ambas as narinas outra vez e, ao expirar bloqueará a saída do ar da narina esquerda, com o dedo indicador da mão direita. Você procederá desta forma, entre três a cinco minutos no máximo e, após voltará a respirar por ambas as narinas naturalmente.

2º) Neste exercício, você irá proceder da seguinte forma; após - mais – sete respirações preparatórias, novamente inspire por ambas as narinas, porém, de maneira curta e acelerada. De tal forma que, o ar entre e saia com bastante rapidez dos seus pulmões. Não force os seus limites, apenas observe e respeite suas possibilidades. Pare e respire com naturalidade, sempre que for necessário. Você procederá desta forma, até três minutos no máximo e após, voltará a respirar por ambas as narinas naturalmente.

Por quanto tempo

O ideal, para se obter resultados sólidos e consistentes, é que estes exercícios - mesmo que junto com outros - possam ser realizados por um período mínimo de três meses, para que possam efetivamente trazer os benefícios que a pessoa está buscando ou necessitando. Ela poderá realiza-los entre as segundas e sextas feiras, pela manhã ou durante outro horário conveniente e deixar os sábados e domingos, apenas para observar os resultados e seus benefícios. Todavia, não deve esperar benefícios antes deste período mínimo.

Conclusão

Agora é só você se programar e iniciar suas práticas em busca dos resultados pretendidos ou necessários!


Participe do grupo do Jornal O Legado no Facebook - clique aqui

Você já leu a edição deste mês do Jornal O Legado? Clique aqui para ler

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380

Autoria

Texto colaboração de Claudio Duarte - Doutor em Yóga, Delhi/Índia - Fundador da Universidade Aberta de Yóga - Unesco member / PACY member - (11) 3288-8860 - Dezembro 2017

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
  • Perfil
  • Público alvo
  • Publicidade
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo