Corpo e Mente
A Cabala Infalível 2

A Cabala Infalível 2

 

Como eu havia prometido, voltamos a falar desta ciência infalível que é a Cabala e como a Numerologia Cabalística interage com ela, tornando-se a “Arte Divinatória” mas exata que se tem notícia. Para se ter uma pequena idéia da importância da Numerologia Cabalística, vamos iniciar este artigo falando de dois personagens mundialmente conhecidos: Deus e Jesus.
Vamos começar pelo Grande Arquiteto do Universo. Quando Deus decidiu fazer uma religião monoteísta, escolheu três seres: Abrão, sua mulher Sarai e Jacob. Porém, tais nomes não condiziam com os Seus objetivos, e, assim, não lhe restou alternativa a não ser “mudar” o nome desses personagens. Abrão (7), se transformou em Abraão (8), Gênesis-17:5. Sarai (8), Ele transformou em Sara (7), Gênesis-17:15. Quanto a Jacob, a transformação foi mais radical: Jacob (5), transformou-se em Israel (6), Gênesis-35:10.
É importante observar que Deus tinha um propósito: criar uma “nova” religião; porém, os personagens iniciais “não tinham” nomes compatíveis com o projeto em questão, por isso Ele os mudou e harmonizou o Seu projeto.
Quanto a Jesus, talvez seja esta a primeira vez que alguém vai ler sobre o porquê Ele alterou o nome de alguns Apóstolos. Espero que gostem do artigo, e desde já me coloco à disposição de qualquer leitor para dirimir qualquer dúvida que advenha deste.
Jesus, que era Cabalista, judeu, nascido em Nazaré e Numerólogo, escolheu seus Apóstolos segundo os ritos da Numerologia Cabalista. Ele deveria ter “todos” os números: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 11 e 22. Acontece que entre os Apóstolos não existia nenhum com número 2, 8 e 11. O que fazer? Simples! Jesus pegou Lebeu (3) e transformou-o em Tadeu (2); Tomou um dos Simões (1) e transformou-o em O Zelote (11) e o outro Simão  (1) e transformou-o em (8), o número do poder, da mesma forma que Deus transformou Abrão (7) em Abraão (8), Mateus-10:2 a 4.
Vamos a seguir, dar um resumo dos predicados de cada número cabalista correspondente aos nomes das pessoas:
Número 1: corresponde ao líder, às pessoas influentes, pioneiras, aos inventores e planejadores – embora muitas vezes esses indivíduos realizem seus projetos sem levar em conta as pessoas envolvidas. Tendem a dominar, consciente ou inconscientemente, todos os seus conhecidos. Raramente têm amigos íntimos e, apesar de se mostrarem confiantes, em geral são muito solitários.
Número 2: É o número das pessoas passivas e receptivas. Em geral são calmas, gentis, bondosas, organizadas e escrupulosas. Apesar de não serem ambiciosas, conseguem tudo o que desejam, mas sempre pela persuasão, nunca pela força. Uma característica negativa é a hesitação. Aliás, essa tendência em protelar decisões importantes, sem motivo aparente, quase sempre lhe traz aborrecimentos futuros.
Número 3: É o número dos extrovertidos, dos inteligentes, criativos e espirituosos. Fazem amigos com grande facilidade e têm êxito em tudo o que empreenderem. Normalmente ambiciosos e orgulhosos, vivem à procura de prazer. Tem como grande fraqueza a incapacidade de levar as idéias e as pessoas a sério por muito tempo.
Número 4: Corresponde às pessoas realistas e equilibradas, àquelas em quem se pode confiar. Falta-lhes a versatilidade do 1 e do 3, mas isso é compensado por seu agudo senso de justiça e pela atenção meticulosa com que considera todos os detalhes. Quando não evoluído espiritualmente, descontrola-se com certa freqüência, tendo acessos de raiva sem motivo aparente. Erradamente, os numerólogos “pseudo pitagóricos” consideram este número como o do “azar”; claro que não existe nenhuma verdade nisso, pois os seus possuidores normalmente são práticos, racionais, equilibrados e especialistas em driblar os imprevistos e também bem sucedidos financeiramente.
Número 5: Os possuidores deste número no nome normalmente são espertos, inteligentes, brilhantes e impacientes. Gostam de vida movimentada, de conhecer novas pessoas e experimentar novas sensações. Em sua grande maioria, são muito atraentes do ponto de vista físico, sendo considerado o número da sensualidade: costumam ter vida sexual variada e excitante, porém muitas vezes problemática. Adora mudanças: de casa, de emprego, de companheiro, etc.
Número 6: Está entre os mais serenos e calmos de todo o sistema numerológico. São tranqüilos, equilibrados e caseiros. Também possuem grande afetividade, além de se mostrarem leais e sinceros, às vezes, sinceros até demais. São criativos e muitos são bem sucedidos nas artes cênicas, ou seja, são excelentes artistas, principalmente de teatro. O aspecto negativo de sua personalidade é a tendência à vaidade e ao egoísmo.
Número 7: É o número dos solitários e introspectivos. Em geral são filósofos, místicos ou ocultistas – pessoas que tendem a se manter isoladas, preferindo contemplar a vida em vez de participar de sua agitação. São indivíduos compenetrados e discretos, e conseguem manter grande domínio sobre si mesmo. Indiferente à glória e às riquezas materiais (por isso Deus mudou o nome de Abrão para Abraão), podem parecer distantes e distraídos, mas não deixam de manter amizades duradouras. Têm dificuldades para se exprimir e normalmente evitam discussões.
Número 8: É considerado o número do “Poder”, e as pessoas que se associam a ele são, com freqüência, empresários, políticos, advogados e também dos avarentos. As pessoas com este número no nome normalmente alcançam o êxito com trabalho duro e persistente, não raro realizado em detrimento da afetividade e do calor humano.  Dão sempre a impressão de serem ávidos e egocêntricos, mas, por trás dessa aparência desumana, pode haver um toque de extravagância que acaba cativando os outros. É persistente, analítico e sabe agir com muita diplomacia para conseguir tudo o que deseja.
Número 9: É o ápice da realização intelectual e espiritual. Neste grupo encontram-se os românticos, os idealistas e os visionários – poetas, líderes religiosos, médicos, cientistas, filósofos e verdadeiros esotéricos. Destacam-se pelo altruísmo, pela vida disciplinada e pela determinação com que lutam por seus objetivos. Seu idealismo está voltado para a humanidade como um todo. É independente, confiante e corajoso.
Número 11: É o número daqueles que estão destinados às grandes realizações, grandes revelações e a grandes martírios. Em geral são pessoas com vocação para médicos, pregadores religiosos, enfermeiras, eméritos professores, geniais artistas ou até mesmo grandes estadistas. Acreditam que idéias importam mais do que indivíduos de carne e osso. Normalmente são idealistas, intuitivos, sensíveis a forças psíquicas, dramáticas, vibrantes, místicas, nervosas, imaginativas e pensadores inspirados. Raramente se adaptam ao mundo dos negócios  sentem-se mais felizes numa posição na qual possam expressar seus ideais.
Número 22: É o número supremo; possui todas as características “boas” dos outros números. Se um indivíduo que tem 22 no seu nome desejar ser algo que em princípio pareça impossível, não duvide, ele com certeza conseguirá o seu objetivo, e sem muita dificuldade. É prático, habilidoso, honesto, cordial, idealista, inspirado e um eficiente organizador com um grande potencial de realização. É um magnífico construtor que embeleza à medida que constrói, que abre novos campos e os torna acessíveis a todos.

IMPORTANTE: Amigo leitor, por favor, não procure fazer analogia destes números com os da chamada numerologia pitagórica, pois os valores numéricos são totalmente diferentes e não correspondem à verdade milenar pregada pela Cabala à mais de 8 mil anos.

 Telefone de contato: Prof. Carlos Rosa - (11) 5584-7378 

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380

Autoria

Texto de: Prof. Carlos Rosa

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo