Corpo e Mente
Rapidinhas
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
Todos podem ser ricos, inclusive você!

Todos podem ser ricos, inclusive você!

 

Hoje eu resolvi falar sobre o assunto preferido dos leitores deste e de todos os jornais do planeta Terra: dinheiro. Preste muita atenção ao que vai ler, e depois não diga que a crise lhe pegou, que você nasceu pobre e que por isso deve permanecer pobre, ou qualquer outro subterfúgio para justificar a sua incompetência em ganhar dinheiro e ser feliz.
Em primeiro lugar você deve se compenetrar de uma verdade: “Tudo que obtemos na vida é o produto do nosso pensamento”. Se esse pensamento for de pobreza, pequeno, medíocre, o que dele derivar não pode ser de melhor qualidade.
A energia criativa da mente nada mais é que substância. Quando essa energia flui através da sua consciência e dirige-se para fora, para o mundo fenomenal, para manifestar-se como experiência e condição próspera, sua qualidade plástica permite-lhe ser impressa na totalidade e na forma do seu sistema de crenças dominantes. Logo, os seus cinco sentidos são suas crenças materializadas.
 A forma e a experiência são apenas efeitos, aparências. Mas quando nós éramos crianças disseram-nos para não julgarmos pelas aparências! “Julgar” alguma coisa significa acreditar nela, assumi-la como verdadeira e concluir que é real. Mas disseram-nos para não fazer isso. Por quê? Porque tudo o que parece como um efeito não tem valor próprio; o único atributo que um efeito tem são aqueles que você lhes dá. Dinheiro é um efeito.
Quando você se concentra no efeito, esquece-se da causa e, quando você esquece a causa, o efeito começa a diminuir, a enfraquecer. Quando você põe o foco de sua atenção em “conseguir dinheiro”, você está, na verdade, fechando seu suprimento.
Você quer mais dinheiro, mais prosperidade em sua vida? Então, saia da consciência de efeitos e vá para uma consciência de causa. Quando dá poder a um efeito, você está dando a ele o seu poder. Você está, na verdade, permitindo que o efeito tenha poder sobre você.
Dinheiro tem poder? Se a sua resposta for “sim”, então você tem dado a ele seu poder, tornando-se você o seu escravo. Você tem invertido os papéis. A Presença Divina, que existe em cada um de nós é quem faz, na verdade, o dinheiro. Seu pensar e sua mente racional, nada fazem.
Parece complicado? Não é! É mais fácil do que parece. Leia com atenção:
Recorrendo ao dicionário, lemos que dinheiro é um meio de troca, uma medida de valor, uma forma de pagamento. Resumindo: Dinheiro é o que as pessoas usam para comprar coisas ou trocar por serviços prestados. Simples, não é verdade?
Mas existe um grave complicador: a maioria das pessoas não tem dinheiro suficiente para trocar por bens e serviços de que necessitam, precisam ou querem. Mas por que não têm? Porque a consciência delas não está atraindo, ou melhor, está literalmente afastando a energia do dinheiro. E isso é muito curioso porque todas as formas de energia, inclusive o dinheiro, são partes inerentes a todos os seres humanos.
Vamos ser práticos. Tudo o que você pensar, lhe acontecerá. Mas aí você pode dizer: “Eu penso o tempo todo em ficar rico e, na verdade, estou cada vez mais afundado em dívidas”. Você sabe por que isso acontece?
Você já ouviu a frase; “Nunca diga: desta água eu não beberei?” Já? Por acaso você já bebeu dessa água? Claro! Todos nós já bebemos dessa água. Sabe por quê? Porque o seu cérebro só lhe dá o que você coloca “lá dentro”. Complicado?
Vamos simplificar um pouco mais.
Imagine que você está lendo este artigo, digamos, na sexta-feira; você tem uma dívida para pagar na segunda-feira; porém, desde já, ou seja, sexta-feira, você está preocupado em como pagar essa dívida, pois não tem o dinheiro suficiente, ou não tem nenhum. Mas está pensando na dívida. Sabe o que vai conseguir com essa preocupação? Mais dívida. Isso mesmo!
Você quer ficar rico, ser próspero e feliz, certo? Porém, no seu íntimo duvida que isso seja tarefa impossível, visto que está desempregado, é pobre, mora mal, não tem estudo superior, ou qualquer predicado que o candidate a ficar rico. Bem, esse é o problema de todos os pobres deste planeta, não só o seu.
Lembre-se de que tudo aquilo que você colocar no seu cérebro, ele lhe retribuirá na mesma medida. Se você pensar em doenças, com certeza adoecerá. Se pensar em dívidas, o seu cérebro lhe dará mais dívidas, e assim por diante. O pobre vive pensando em pobreza, na falta de dinheiro, na dificuldade em pagar as dívidas. Com absoluta certeza ele jamais sairá da pobreza, continuará a não ter dinheiro e a cada dia tendo mais dívidas.
Porém, mesmo que seja pobre, sem um único centavo no bolso, e agir como se rico fosse, o cérebro lhe retribuirá da mesma maneira. Não acredita? Você vai acreditar! Leia o que se segue.
Você sabe quem é o nosso presidente? Sabe? Luiz Inácio Lula da Silva. Nasceu pobre, retirante nordestino, estudou somente até à quinta série, foi torneiro mecânico, fundou um sindicato, tornou-se político, foi deputado federal Constituinte, três derrotas para presidente da república, escorraçado e gozado pelos adversários, etc., etc., etc. Ele nunca desistiu. Ele é ou não o nosso presidente? Acredite, se ele conseguiu você também conseguirá. Ele aprendeu como usar o cérebro a seu favor e não contra.
Ainda mais um teste: “Não pense em um avião cheio de macacos pulando lá dentro”. Pensou? O seu cérebro não tem a menor idéia do que seja a palavra “NÃO”. Logo, não pense no que você “não quer” e sim no que quer. Se você quer dinheiro, saúde e amor, que são seus por direito divino, deixe de pensar na pobreza, na doença e na solidão.
Lembre-se que a perseverança é o fundamento da vitória, e que o caminho está aberto a todos, e se uns vencem e alcançam o que desejam, não é porque sejam predestinados, senão porque forçaram os obstáculos com coragem e perseverança.

 

Professor Carlos Rosa: Contato: (11) 5584-7378

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4418-6150

Autoria

Texto de: Prof. Carlos Rosa

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4411-6380

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo