Corpo e Mente
Rapidinhas
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
IAOL Editora
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
NOVO TELEFONE DO JORNAL O LEGADO (11) 4418-6150
Amor, bondade, compaixão: deve ser a meta maior para todos nós

Amor, bondade, compaixão: deve ser a meta maior para todos nós



Eu sei, você nunca foi indiferente ao sofrimento alheio. Eu acredito também, nos seus esforços diários para ajudar os familiares nas fases mais difíceis e dolorosas. Mas, também acredito que sempre podemos fazer mais. Além disso, é bom lembrar que existe um grande numero de pessoas que (graças a Deus) ajudam os infelizes deste planeta. Estas pessoas também possuem (como você, como eu) problemas pessoais. Não podemos, portanto, esperar que “as coisas melhorem” para só então nos preparamos para ajudar.

A situação da Terra neste momento pede para todos nós, um gigantesco esforço de compreensão e união. Estas três palavras: amor, bondade e compaixão precisam estar presentes no seu cotidiano, atuantes, agindo de maneira o mais prática possível. É claro, o poder curativo da oração sempre será respeitado e vivenciado. Os efeitos acontecem e tudo começa a melhorar. Não podemos perder a esperança, a confiança no Bem Maior, no Amor Incondicional, na energia construtiva do Criador. Por causa desta energia, estamos aqui, neste planeta de aprendizado e regeneração.

Além do recurso realmente construtivo e às vezes até milagroso da oração, o que mais podemos fazer? Colaborar sempre, ou às vezes, com alguma quantia financeira pode não resolver, mas certamente vai amenizar o sofrimento de nossos irmãos em todas as partes do mundo.

Ao fazer isto, ou na disposição de ajudar de forma prática e de muitas outras maneiras, aqueles que sofrem, estamos então vibrando na mesma sintonia que os Mestres e os Anjos. Receberemos assim, a energia de paz e alegria interior destes seres divinos. Eles vivem em dimensões mais evoluídas do que esta em que vivemos e vivem exclusivamente para ajudar estas pessoas, sem jamais desistirem.

Mas, estes “nossos irmãos” mais evoluídos e mais preparados, sabem e acreditam, que também podemos e devemos ajudar. Eles confiam, sem nunca desistir, no nosso potencial de bondade, amor e compaixão. Este potencial que foi tão bem desenvolvido e conscientizado pelo Mestre Jesus, Buda e outros Mestres que estiveram aqui, entre nós. Agora, nesta fase de transição, tão caótica que o planeta enfrenta, é o momento crucial de colocar este potencial em ação. E cada um de nós, com certeza, encontrará a melhor maneira de fazer isto. Lembrando que no Brasil especialmente, aqui e agora, uma verdadeira união precisa acontecer entre todos nós, eliminando o ódio, a vaidade, e todo tipo de radicalismo doentio e destrutivo.

O mundo inteiro precisa de nós. Procure conhecer a situação de miséria e sofrimento do povo na Somália (África). Os jornais têm denunciado, mas atualmente as notícias desapareceram. Como se fosse possível que nós acostumássemos com tanto sofrimento! Assim como, não deveria ser possível que nos acostumássemos em ver pessoas, famílias, crianças e velhos abandonados nas ruas. Esta é uma paisagem que parece fazer parte do cotidiano das cidades. A indiferença diante disso precisa com urgência, chegar ao fim.

Cada um de nós pode fazer a sua parte, através de orações, e isto é importante, acredite! E também com alguma contribuição financeira, por menor que seja, que possa amenizar o sofrimento de milhares de pessoas, crianças esquálidas, que desmaiam e morrem de fome todos os dias.

Se quiser, entre em contato com a Cruz Vermelha do Brasil pela Internet, ou com a Cruz Vermelha Internacional. É um caminho para conhecermos melhor o trabalho destas pessoas, assim como dos “Médicos Sem Fronteiras”. E se puder, colabore da melhor maneira possível, principalmente, mantendo-se em sintonia, conscientizado e sensibilizado com todos estes dramas que se desenvolvem na Terra. Ficar indiferente diante deles é algo que realmente não devemos mais nos permitir.

De uma maneira ou de outra sempre podemos fazer algo por estas pessoas, colocando-nos no lugar delas e sentindo no coração (com paixão) a dor que elas sentem. São nossos irmãos, criados pelo mesmo Pai. E estão aqui na Terra para evoluir, para aprender, assim como todos nós. Amenizar o sofrimento destas pessoas, colaborar de todas as formas possíveis para a conquista da Justiça Social, e autentica solidariedade é com certeza a missão maior de todos aqueles que também estão aqui para aprender e para evoluir. Especialmente aqueles que têm condições, de fato, para este auxílio e assim, viver e praticar o Amor Incondicional.

Participe do grupo do Jornal O Legado no Facebook     -     clique aqui

Para ler, gratuitamente, a edição deste mês do Jornal O Legado Corpo e Mente      -     clique aqui

Quer ler, gratuitamente, a edição do mês passado?      -     clique aqui 

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2019
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4418-6150

Autoria

Texto colaboração de Juliana Bueno - escritora e jornalista. Autora do livro “Passageiros da Nave Terra” (edições Besouro Box - www.besourobox.com.br), entre outros. No Facebook página: Jornalista Juliana Bueno. - Junho 2019

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4418-6150

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo