Corpo e Mente
Rapidinhas
JORNAL EXCELSIOR sucessor do Jornal O Legado (11) 4418-6150
IAOL EDITORA
CORPO E MENTE (11) 4418-6150
JORNAL EXCELSIOR (11) 4418-6150
Hatha Yóga, os corpos sutis e suas estruturas causais

Hatha Yóga, os corpos sutis e suas estruturas causais


Hatha Yóga LXIV


Introdução

No capítulo precedente a este, abordamos vários aspectos desconhecidos do Hatha Yóga e suas práticas, no que se refere aos tchakras, aos nadis, à estrutura geral dos corpos sutis, há alguns dos textos clássicos que se referem a eles. E também, ao processo de homeostase, tanto na estrutura densa ou material quanto na estrutura sutil.

 E como todas estas realidades, afetam a vida, a natureza, a personalidade e o comportamento de uma pessoa. Mais ainda, como as pessoas por meio do refinamento – sanskara – das práticas do Hatha Yóga, podem passar a reconhecer e ter plena consciência de todos estes processos existenciais.

No presente capítulo, vamos aprofundar um pouco mais estas visões, mostrando outros aspectos desconhecidos da realidade, que embora não vistos pelas pessoas em geral, existem, atuam sobre a vida e o cotidiano de cada uma delas e se reconhecidos e trabalhados com consciência, podem fazer toda uma enorme diferença, seja na espiritualidade, seja no campo sutil, seja no campo psíquico e no corpo das pessoas.

Por meio de práticas adequadas do Hatha Yóga, é possível, tanto ir identificando tais corpos sutis (sukshma sharira) e seus processos, quanto também, obtendo mais equilíbrio interior, mais harmonia, mais felicidade e mais saúde.

Porém, há que se considerar ainda, que há diversos fatores no cotidiano e também na vida, que criam obstáculos reais ou imaginários, para obstarem a jornada de uma pessoa. E só cabe a ela, decidir o que ela quer ou não. Mas as pessoas, mesmo que não saibam ou que não acreditem, são dotadas de uma grande e poderosa força ou energia interior, que pode mudar e transformar suas vidas. Independente de qualquer fator que possa parecer um obstáculo.

Desenvolvimento

Conhecendo mais sobre os corpos sutis e suas características

No capítulo anterior, junto com outros anteriores, fomos aprofundando passo a passo este conhecimento, inclusive detalhando aspectos desconhecidos para as pessoas, e como todas estas estruturas estão intimamente interligadas e como elas funcionam no todo.

Para ampliar tais referências e conhecimentos, vamos então, explanar mais algumas nomenclaturas específicas do Yóga, seus significados e como funcionam suas bases.

Há vários textos clássicos que descrevem de forma pormenorizada, tanto as estruturas que citamos no capítulo anterior, quanto as que vamos citar neste.

Um deles, milenar, chama-se Taittiriya Upanishad epor meio de uma linguagem muito singular, relata que cada ser tem cinco (5) corpos, sendo que cada qual tem uma função muito específica, correlacionada à natureza, personalidade e comportamento.

Cabe esclarecer, que há outros textos clássicos que relatam a existência de seis corpos sutis e um corpo causal, feito de matéria (prakriti).

Todavia, aqui vamos nos ater aos cinco propostos neste texto clássico, sendo:

1º) o corpo normal feito de matéria ou de tudo que o alimenta, chamado no texto de Anna Maya Kósha.

Este é o corpo comum, conhecido e vivido por todas as pessoas, seja durante este período da vida, ou seja, durante o arco de suas transmigrações kármicas. Também, este é o corpo material que a grande maioria das pessoas, acreditam ser o único existente. Muito embora, quando se propõem a pesquisar ou a estudar, descobrem que é possível reconhecerem e identificarem a existência de outros corpos, no caso, sutis.

Anna Maya Kosha, é o corpo com o qual as pessoas estão normalmente familiarizadas, aquele que elas alimentam, aquele que elas cuidam com asseio, aquele que elas vestem com agasalhos na estação do frio, aquele que elas tratam super bem ou super mal.
Aqueles que elas treinam na busca de mais performance ou saúde. Ou que não cuidam, e deixam que o mesmo fique mal tratado, sedentário ou mesmo doente em termos psicofísico e físico.

É também o corpo com o qual, parte das pessoas se olham no espelho sem ver a realidade, vendo apenas um corpo, pois estão possuídas pela vaidade, pelo engano ou até pelo total desconhecimento de causa, do que este corpo realmente significa e como realmente deveria ser tratado. Com muito amor, delicadeza e carinho. Inclusive, com cuidados especiais, já que este corpo é o veículo primário do Ser, ou do espírito.

Anna Maya Kosha na verdade é o veículo que carrega os outros corpos, e, portanto, deve ser tratado com muita atenção, com muito cuidado, com muito respeito. E alimentado de forma saudável e nutritiva, sem excessos.

2º) o corpo especial feito de prana ou do elemento sutil contido no ar que se respira, chamado no texto de Prana Maya Kosha.

Este é um corpo invisível, porém também vivido por todas as pessoas, seja durante este período da vida, ou seja durante o arco de suas transmigrações kármicas. Todavia, por se tratar de um corpo sutil é desconhecido pela grande maioria das pessoas.

Muito embora, quando se propõem a pesquisar ou a estudar, descobrem que é possível reconhecerem e identificarem a existência e o funcionamento deste corpo.

Prana Maya Kosha, na verdade é o veículo que recebe, carrega e redistribui todo o prana contido no ar, para os outros corpos, tanto para o físico quanto para os sutis, sendo assim um veículo da energia da vida, o ar contendo o prana e que tem a função de retroalimentar as outras estruturas no seu todo.

3º) o corpo especial feito da energia de consciência ou do elemento sutil contido em todo o universo e também nos seres, chamado no texto de Mano Maya Kosha.

Este também é um corpo invisível, porém vivido por todas as pessoas, seja durante este período da vida, ou seja, durante o arco de suas transmigrações kármicas. Todavia, por se tratar de um corpo sutil é desconhecido pela grande maioria das pessoas.

Muito embora, quando se propõem a pesquisar ou a estudar, descobrem que é possível reconhecerem e identificarem a existência e o funcionamento deste corpo.

Mano Maya Kosha, na verdade é o veículo que recebe, carrega e redistribui a energia da consciência contida na natureza, para todos os outros corpos, tanto para o físico quanto para os sutis, sendo assim um veículo para a consciência da vida, seja sob o aspecto do consciente, do inconsciente e do subconsciente.

E, é da mais alta importância para a vida, as pessoas reconhecerem e saberem interagir com estas três estruturas conscienciais, pois é o reconhecimento e o conhecimento das mesmas que podem fazer toda a diferença na existência de qualquer pessoa.

Para que sejam mais felizes, mais plenas, mais saudáveis, mais amadas e mais amorosas. Ou para que na falta de tal conhecimento, possam se tornar infelizes, mal amadas, mal compreendidas ou até rancorosas.

4º) o corpo especial feito da energia do conhecimento verdadeiro ou de mais um elemento sutil contido em todo o universo e também nos seres, chamado no texto de Vijnana Maya Kosha.

Este também é um corpo invisível, porém vivido por todas as pessoas, seja durante este período da vida, ou seja, durante o arco de suas transmigrações karmicas. Todavia, por se tratar de um corpo sutil, é desconhecido pela grande maioria das pessoas.

Muito embora, quando se propõem a pesquisar ou a estudar, descobrem que é possível reconhecerem e identificarem a existência e o funcionamento deste corpo.

Vijnana Maya Kosha, na verdade é o veículo que recebe,carrega e redistribui a energia do conhecimento contida na natureza, para todos os outros corpos, tanto para o físico quanto para os sutis, sendo assim um veículo de conhecimento da vida, seja sob o aspecto intelectual, seja sob o aspecto do conhecimento puro.

E, é da mais alta importância para a vida como um todo, as pessoas reconhecerem e saberem interagir com esta estrutura de conhecimento, pois é o reconhecimento do mesmo, que pode fazer toda a diferença na existência de qualquer pessoa.

Para que sejam mais visionárias, mais compreensivas, mais determinadas e mais elucidadas seja todos os campos da vida e da natureza.

5º) o corpo especial feito de felicidade e de bem aventurança ou de mais um elemento sutil contido em todo o universo e também nos seres, chamado no texto de Ananda Maya Kosha.

Este também é um corpo invisível, porém vivido por todas as pessoas, seja durante este período da vida, ou seja, durante o arco de suas transmigrações kármicas. Todavia, por se tratar de um corpo sutil, é desconhecido pela grande maioria das pessoas.

Muito embora, quando se propõem a pesquisar ou a estudar, descobrem que é possível reconhecerem e identificarem a existência e o funcionamento deste corpo.

Ananda Maya Kosha, na verdade é o veículo mais puro da espiritualidade e da bem aventurança, da paz interior verdadeira. Ele recebe, carrega e redistribui a energia espiritual para todos os outros corpos, seja para o físico, seja para os sutis. Sendo assim um veículo da espiritualidade na vida de qualquer ser, sob qualquer aspecto ou circunstância.

E, é da mais alta importância para a vida como um todo, as pessoas reconhecerem e saberem como interagirem com a própria espiritualidade, pois é o reconhecimento e auto aceitação da espiritualidade que trará a priori um forte auto conhecimento para uma pessoa.

E a posteriori, o próprio reconhecimento, aceitação e compreensão profunda do que é a espiritualidade e como interagir e conviver com ela uma vida plena de harmonia interior, contentamento e espiritualidade.

Sem ter que recorrer a falsos ensinamentos, a falsas pregações, a falsas propostas ou falsos pregadores, sejam de qual natureza for.

Outros textos especiais sobre o tema

Há outros textos raros que também abordam o exposto neste capítulo e nos anteriores. Já citamos diversos deles, mas vamos aqui citar mais alguns como Referência fundamental;

a) Yóga Chudamani Upanishad,
b) Yóga Shikka Upanishad,
c) Shandilya Upanishad,
d) Shri Jaballa Darshana Upanishad,
e) Sat Chakra Nirupana,
f) Katha Upanishad e,
g) Kena Upanishad.

Todos estes textos e há outros também desconhecidos, que são portadores do mais profundo e sagrado conhecimento, tanto sobre a vida, quanto sobre a consciência, o conhecimento e a espiritualidade. Mas é necessário, primeiro que as pessoas saibam da existência dos mesmos. E segundo, que tenham a genuína disposição de buscá-los, estudá-los e compreende-los.

Para após, decidirem com total liberdade, se acham que vale a pena mudarem com base em tais conhecimentos tão preciosos e profundos e se vale a pena, entrarem em uma nova forma de vida. Baseada em princípios reais que extrapolam a falsa realidade mundana, com todas as suas armadilhas e com todas as suas ilusões ou Maya avidya.

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2020
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4418-6150

Autoria

Texto colaboração de: Claudio Duarte - Setembro 2020

Artigos Relacionados

Contato

+55 11 4418-6150

Formulário de contato

Marketing
Corpo e Mente
  • Promovendo o
  • bem estar
  • para todos
Informativo